Você sonha em ter seu próprio negócio, mas não sabe como e por onde começar? Chegou a hora de parar de sonhar e colocar seus planos em prática. Ter seu próprio negócio deixou de ser um sonho inalcançável. Qualquer pessoa pode se tornar um empreendedor, porém o sucesso vai depender da determinação e persistência para enfrentar os riscos que ter o próprio negócio demanda.

Você não está sozinha nessa jornada. Seu caminho é paralelo ao de outras mulheres que decidiram mudar o rumo de suas carreiras e construir seu próprio negócio, mesmo com algumas dificuldades na vida.

Confira 10 dicas para mulheres que desejam abrir seu negócio e ter sucesso:

1- Encontre sua paixão para impulsionar uma nova ideia de negócio

Como abrir um negócio consome muito tempo e energia, é muito mais emocionante e gratificante quando você está atrás de algo que ama. Quando você cria um negócio baseado em seus interesses, habilidades e conhecimento provavelmente acharão mais fácil se comprometer com ele e permanecer no curso.

Dito isso, considere que a paixão só pode levá-lo até certo ponto. Você precisa escolher uma ideia de negócio para a qual haja necessidade ou demanda no mercado. Esteja você adicionando sua própria abordagem a um conceito existente ou desenvolvendo algo totalmente único, é fundamental fazer a devida diligência e determinar se os produtos e serviços que você pretende oferecer serão adotados pelos clientes.

2 – Desenvolva uma mentalidade empreendedora

Ter uma mentalidade correta é essencial para resolver qualquer problema na vida e o mesmo vale para o seu sucesso no mundo dos negócios. Ter uma mentalidade empreendedora para lidar com os problemas e situações em questão aumentará suas chances e fará sua empresa prosperar.

Nem todos são iguais, mas pessoas com visão empreendedora costumam ter algumas características parecidas, como: ser decisivo, ser capaz de tomar decisões difíceis, ser capaz de se manter motivado e motivar as pessoas a sua volta.

3 – Defina metas claras e realistas

Definir metas de curto e longo prazo é crucial para qualquer negócio. É necessário também ter uma estratégia, um plano de negócios sobre como atingir seus objetivos definidos.

Com essas metas e estratégias definidas é possível planejar o futuro do seu negócio.

4 – Tenha cautela aos riscos sem ter medo

Reconhecer os riscos antecipadamente é fundamental para que você possa minimizar seu impacto, caso eles ocorram. Muitas mulheres (e homens) evitam abrir empresas porque temem os riscos e a dor do fracasso.

Saiba que o medo em si não é necessariamente algo ruim, especialmente quando o motiva a aprender o máximo que puder sobre o que pode não funcionar do seu jeito. No entanto, o medo não deve imobilizá-lo e impedi-lo de perseguir seu sonho só porque existe uma chance de não alcançá-lo. Seja cauteloso, mas saiba que todo empreendedor de sucesso enfrenta riscos.

5 – Aprenda com os erros

Não se fixe em erros nem fique desanimada por eles. A diferença entre pessoas de sucesso e todas as outras pessoas é que as pessoas de sucesso aprendem com seus erros e seguem em frente. Eles não se preocupam com o fracasso, culpam a economia, amaldiçoam sua má sorte ou culpam outras pessoas por seu destino. Se o caminho para seu objetivo estiver bloqueado, eles procuram um caminho alternativo ou, às vezes, escolhem um objetivo diferente e mais atingível.

6 – Não dê o passo maior do que pode

Os seus sonhos devem ser grandes, com uma visão de um futuro de sucesso. Porém, entenda que o sucesso é como uma escalada e precisa ser dado um passo de cada vez.

Comece em pequena escala antes de fazer tudo o que não pode.  Algumas pessoas acreditam que os empreendedores assumem riscos. Mas, na maioria das vezes, os empreendedores de sucesso não gostam de andar com os olhos vendados. Em vez disso, eles assumem riscos controlados. Eles testam uma ideia em pequena escala, depois desenvolvem o que funciona bem, ajustam o que é promissor e descartam os desastres.

7- Seja paciente

Uma das dicas mais importantes para mulheres empresárias é lembrar que não existe “sucesso da noite para o dia”. Mantenha o curso, seja persistente e tenha paciência. Espere enfrentar obstáculos ao navegar pelas oportunidades e desafios de começar um negócio.

Muitos de nós nos acostumamos à gratificação instantânea, graças à era digital em que vivemos e trabalhamos. No entanto, construir uma empresa leva tempo. É essencial aceitar isso e evitar ficar desanimado quando as coisas não decolam tão rápido quanto você gostaria.

8 – Aprenda com os outros

Encontre mentores, participe de grupos com pessoas que pensam como você, aprenda tudo que puder sobre o seu setor e o que é necessário para ir de onde você está para onde deseja estar. Participe de conferências do setor. Faça cursos de treinamento quando estiverem disponíveis. Compre cursos oferecidos por especialistas. Você economizará uma quantidade enorme de tentativas e erros aprendendo com pessoas que já estiveram lá.

9 – Nunca pare de aprender e tentar coisas novas

O que é lucrativo agora não será necessariamente lucrativo no próximo ano ou daqui a 10 anos. Portanto, não se deixe cair na rotina de “sempre fiz as coisas assim”.

Mantenha seus olhos e ouvidos abertos para coisas novas. Existem maneiras mais novas ou melhores de comercializar seus produtos e serviços? Os clientes estão pedindo algo que você não está oferecendo? Existe um tipo diferente de cliente que você deveria almejar? Obtenha respostas lendo tudo o que puder sobre seu setor e ouvindo seus clientes.

10 – Equilibrar negócios e vida familiar

As empreendedoras-mãe têm responsabilidades duplas para com seus negócios e suas famílias; encontrar maneiras de dedicar tempo a ambos é a chave para alcançar esse difícil equilíbrio entre trabalho e vida pessoal.

Deixe seu comentário!